Férias precisam-se

Cheguei aquele ponto que necessito de férias, mas daquelas de ficar de barriga para o ar, sem aturar discussões da criançada ou qualquer tipo de birras, sem me preocupar com as refeições, sem me preocupar com os horários da escola ou das atividades ao final do dia, com as horas de dormir ou dos banhos. Apenas descansar a cabeça, eu e as minhas ideias, eu e os meus sonhos e meu sono.

Sei que é impossível e sei também que caso conseguisse essas férias idílicas, teria muita dificuldade em descansar. Faltaria muita coisa no meu dia. O barulho, as vozes delas, o “mãaaaaeeeee”, os abraços e beijos, o levar e ir buscar à escola, a rotina que já está completamente entranhada em mim.

Por isso, acho que me vou contentando com os fins-de-semana sem grande programação ou um fim-de-semana a dois.

vida de mãe que já não se vê sem barulho, nem a tropeçar em brinquedos, é assim… dependente de tudo aquilo que reclama ao final do dia.

❤️

 

1496134600261

Pode também gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *